Importar dados para o Slack

Você está iniciando um novo workspace Slack ou combinando dois existentes? Se for o caso, use a ferramenta de importação para fazer upload de um arquivo de exportação com os dados dos membros e do canal de uma destas fontes:

  • Um arquivo CSV ou de texto 
  • Um app de terceiros: HipChat, Stride, Flowdock, Campfire ou Chatwork
  • Outro workspace Slack

Você veio do Hipchat ou do Stride? Temos guias de importação para você! Confira Importar dados do Hipchat para o Slack ou Importar dados do Stride para o Slack para saber mais.

Observação: a importação para organizações Enterprise Grid ainda não está totalmente disponível. Como alternativa, é possível importar dados para um workspace separado e, então, migrá-lo para a organização.

 

Dados que podem ser adicionados ao Slack

Isso depende da procedência dos dados: de um dos apps de terceiros mencionados acima, de um serviço diferente ou de outros workspace Slack. Na maioria dos casos, é possível importar:

  • Membros
    Todos os usuários e suas mensagens públicas e contas associadas
  • Canais
    Canais públicos, com histórico de mensagens e arquivos incluídos

Para saber mais detalhes, confira o Guia das ferramentas de importação e exportação do Slack.

 

Como usar o Slack durante a importação

Se você estiver importando para um workspace Slack ativo, não se esqueça de que:

  • os membros podem usar o workspace normalmente;
  • adie algumas alterações (por exemplo, ativar ou desativar membros, excluir ou renomear canais) para garantir que todos os dados sejam copiados corretamente;
  • a quantidade de dados importados determina o tempo da importação. Como cada importação varia em tamanho (número de canais, usuários e arquivos), não conseguimos determinar uma estimativa do tempo do processo.

 

Etapa 1: fazer upload do arquivo de exportação para o Slack

  1. No computador, clique no nome do workspace na parte superior esquerda.
  2. Selecione AdministraçãoConfigurações do workspace no menu.
  3. Clique em Importar/exportar dados no canto superior direito.
  4. Clique em Importar ao lado da origem da importação.
  5. Para o Slack, o Hipchat, o Stride, o Chatwork ou um arquivo de texto CSV, clique em Escolher arquivo e anexe seu arquivo. Em seguida, clique em Iniciar importação. No Flowdock, clique em Autenticar a conta do Flowdock. No Campfire, insira o URL e o token da API do Campfire.
  6. Mantenha a página de importação aberta enquanto o arquivo estiver sendo enviado. Você receberá um e-mail quando o processo for concluído e verá um aviso na página para continuar. No e-mail, clique em Continuar a importação. Na página, clique em Próximo.

Observação: se o arquivo de exportação for maior que 2 GB, será necessário fazer upload dele para um serviço de nuvem seguro (Google Drive, Dropbox ou Box). Copie o link gerado para o arquivo e cole-o no campo de texto Link de download direto para enviá-lo ao Slack.

 

Etapa 2: revisar as configurações de importação do usuário e escolher os dados a serem adicionados

Quando importar dados para um workspace Slack existente com membros ativos, você verá opções adicionais para importar usuários.

Configurações de importação dos usuários

  • Mesclar usuários
    Combine usuários e membros existentes em workspaces Slack que tenham o mesmo e-mail.
  • Importar como usuários novos e convidá-los para o Slack
    Adicione usuários como novos membros e envie convites para o workspace.
  • Importar como usuários desativados
    Adicione os usuários como novos membros, mas com contas desativadas. Não serão enviados convites, mas as mensagens desses usuários serão adicionadas ao Slack e associadas às contas deles. Quando a importação terminar, você poderá reativar as contas desses usuários para que eles possam começar a usar o Slack.
  • Não importar esses usuários, só as mensagens
    As mensagens públicas dos usuários serão importadas para o Slack e associadas aos nomes deles, mas não serão criadas contas para eles.
  • Não importar esses usuários nem suas mensagens
    Exclua usuários, suas mensagens e arquivos do Slack.

Observação: algumas mensagens de um usuário podem não ser importadas se o canal em que foram publicadas não for transferido para o Slack.


Escolher usuários para importar

  1. Clique no ícone de seta ao lado de Mostrar usuários para ver as configurações de importação pré-selecionadas dos usuários. Para alterar uma configuração de importação de um usuário individual, abra o menu suspenso ao lado do nome da pessoa.
  2. Outra opção é abrir o menu suspenso e selecionar uma opção para escolher uma configuração de importação para todos os usuários.
  3. Quando terminar, clique em Próximo para continuar.

Lembrete: escolher uma configuração de importação para todos os usuários pode sobrescrever as configurações de cada usuário.

 

Etapa 3: revisar as configurações de importação do canal e escolher os dados a serem adicionados

Assim como ao importar usuários, você verá a opção de mesclar canais públicos parecidos se adicionar dados a um workspace Slack existente. Se você tiver exportado dados de um workspace com acesso a exportações corporativas, poderá importar canais privados e mensagens diretas (MDs) ao mesclar dois workspaces Slack.

Configurações de importação dos canais

  • Criar novos canais e manter a privacidade
    Crie canais no Slack e transfira as configurações de privacidade de um serviço externo.
  • Criar novos canais públicos
    Crie canais públicos no Slack independentemente das configurações de privacidade dos canais anteriores.
  • Criar novos canais privados
    Crie canais privados no Slack independentemente das configurações de privacidade dos canais anteriores.
  • Mesclar com canais do Slack existentes
    Mescle canais com nomes correspondentes.
  • Não importar
    Exclua canais e suas mensagens e arquivos do Slack.

Escolha os canais que quer adicionar

  1. Clique no ícone de seta  ao lado de Mostrar canais para ver as configurações de importação pré-selecionadas dos canais.
  2. Outra opção é abrir o menu suspenso e selecionar uma opção para escolher uma configuração de importação para todos os canais.
  3. Quando terminar, clique em Próximo para continuar.

Observação: se um canal privado existente no Slack compartilhar o mesmo nome com um canal que você estiver importando, eles não serão mesclados. Por questões de privacidade, será criado um novo canal.

 

Etapa 4: revisar o resumo e iniciar a importação

Agora está tudo pronto para importar os dados para o Slack. Lembre-se de que grandes importações podem demorar e afetar temporariamente o desempenho do app Slack.

  1. Revise as informações no resumo da importação e verifique se está tudo correto.
  2. Clique em Iniciar importação.
  3. Quando a importação estiver concluída, você receberá um e-mail de confirmação.

Observação: use o botão Reverter importação para reverter uma importação. Essa ação removerá os canais e as mensagens importadas do seu workspace Slack, mas não excluirá os membros.

Quem pode usar este recurso?
  • Proprietários e administradores de workspaces
  • Planos gratuitos, PadrãoPlus 

Artigos relacionados

Artigos lidos recentemente